(11) 4023-1145 (11) 94954-9145 contato@clinicaspavanatto.com.br
(11) 4023-1145 (11) 94954-9145 contato@clinicaspavanatto.com.br

O tratamento da dependência química e as terapias

O tratamento da dependência química e as terapias

As terapias cognitivo-comportamentais (também conhecidas como TCC) têm sido eficazes no tratamento de diversos transtornos psiquiátricos, inclusive a dependência química. Sua aplicação tem se mostrado eficaz para o alcance e para a manutenção da abstinência, seja em usuários de álcool, tabaco ou substâncias ilícitas. Continue com a gente, pois neste artigo vamos falar um pouco mais sobre o tratamento da dependência química e as terapias.

Como já abordamos em outros artigos, a dependência química é uma doença crônica, ou seja, que não possui cura. No entanto, ela tem tratamento e ferramentas para que o doente se mantenha em sobriedade.

Em geral, as pessoas que começam a usar drogas estão buscando uma fuga dos seus problemas pessoais que são vivenciados no dia-a-dia. Por exemplo: jovens que sofrem algum tipo de abuso dentro de casa, geralmente violência física ou até mesmo psicológica.

Quando uma pessoa faz uso de alguma droga, seja ela lícita ou não, o sistema nervoso central é atingido, modificando, assim, os comportamentos e pensamentos do usuário. O usuário, por sua vez, se sente mais seguro, mais tranquilo, como se em um primeiro momento os problemas não existissem mais.

Dessa forma, tendo esse dependente algum tipo de patologia ou geneticamente predisposição a doença, acaba sendo alvo fácil para continuar o consumo. Aquela sensação de prazer momentânea será buscada mais vezes e diversas vezes o que irá causar a dependência química.

Na nossa cultura, a porta de entrada para a dependência química é a bebida alcoólica e o tabaco. Pois não faz muito tempo, consumir essas substâncias era visto como “bonito”, “potente”, “descolado” e até “chic”. Porém, não se tinha o menor conhecimento por parte dos usuários o quão mal trazia para o organismo.

Como o tratamento da dependência química e as terapias pode ajudar?

Como o tratamento da dependência química e as terapias pode ajudar

Quando falamos em tratamento da dependência química e as terapias, podemos citar as comunidades terapêuticas que são uma importante forma de ajuda para dependência química e de terapia para dependentes químicos. Assim como clínicas e profissionais como psicanalistas, psicólogos, psiquiatras, terapeutas, espiritualidade, assistentes sociais e grupos de apoio.

Normalmente os dependentes químicos não estão em condições de tomarem alguma decisão quando o assunto é tratamento da dependência química e as terapias. Isso porque, geralmente, estão tão dominados pela dependência de drogas que não conseguem dar o primeiro passo em busca da sua recuperação. O problema é tão grave que não conseguem enxergar sua própria situação.

A partir desse momento que entra os profissionais capacitados. Normalmente, em primeiro plano, temos um médico que fará a desintoxicação das drogas.

Após isso, o dependente químico pode ser encaminhado para um psiquiatra, que fará a devida avaliação e quando necessário uso de medicações iniciais. Isso para que reduza a vontade do dependente de consumir as drogas.

Para continuar o tratamento, entram os outros profissionais que também irão fazer avaliações periódicas e orientar as atitudes que a pessoa em condição de dependência química deve ter.

Entre esses profissionais estão psicólogos e terapeutas que irão auxiliar e acompanhar a evolução do paciente através das terapias, tanto em grupo quanto individuais.

Se as drogas são um problema na sua vida, saiba que o tratamento da dependência química e as terapias podem ajudar. Entre em contato conosco para saber mais detalhes!